Perpétuas das Areias

dizem que o pastor
comia gafanhotos
mel silvestre e ceratonia
siliqua ou figueira
de pitágoras ou figueira
do egipto ou alfarroba
ou pão de são joão
perpétuas das areias
cor de curau líquene
de milho néctar coral
áureo helichrysum
stoechas sol helichrysum
italicum flavescente picardi
(há quem as chame
de erva-caril, espanta
diabos cróceo, meninas
de são joão…)
bafo quente
fulvo tesouro
pelo ar louras
dunas cubo
de gelo limão
balão laranja
sanfona espremida
no peixe-carvão
da saia-fogueira
da menina-noite
de joão são.

[corre-me aqui na timeline que esta noite (de são joão) é aquela em que, além de balões no ar, aparecem as mouras encantadas, metade mulher e metade serpente, nos castelos da vida (tavira, almourol, etc). elas podem ser desencantadas pelos bravos, por uma noite. e que dia 24 de agosto (dia de s. bartolomeu) “o diabo anda à solta”, logo deve-se tomar um mergulho no mar por precaução. eu não sei muito de lendas não, mas acho interessante….]

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s